Comunidade Portuguesa de Ambientalistas
Ring Owner: Poli Etileno Site: Os Ambientalistas
Anterior Lista Aleatório Junte-se a nós! Próximo

2007-03-04

Cidadania virtual (II EBIT)

A tradição pode construir-se com a repetetibilidade periódica de acções, desde que baseada na cultura, na partilha e na ética.
Se a blogosfera nos dá a possibilidade de nos escondermos, também nos dá a possibilidade de nos mostrarmos. A blogosfera permite que façamos escolhas, amplia o conceito de liberdade, mas também estabelece, implicitamente, fronteiras.
.
Na blogosfera escolhemos o que queremos ser: se aquela pessoa que quando passeia pela rua e por vezes é reconhecida, ou então, aquela outra que se esconde na timidez, ou por oposição na arrogância e que todos desconhecem.
Os pseudónimos sempre existiram na literatura, a internet ressuscitou-os.
Pelo meu blog tem passado tanta gente que reconheço pelo pseudónimo ou nome próprio, mas especialmente pela forma de pensar e de estar. Não é o nick-name que me aproxima, ou o nome próprio do internauta, mas sim a simpatia ou as ideias. Outras porém, felizmente muito poucas, reconheço-as pela agressividade ou forma provocadora de estar, mesmo virtualmente. O mundo é assim, mesmo o real.
A blogosfera tem-se afirmado progressivamente como espaço de cidadania planetária, é virtual, mas não menos do que o conceito de globalização. É eficaz, por mexer por vezes com algumas consciências da nossas cidades, das nossas vilas ou das nossas aldeias. Não é o local onde estamos aquele que interessa, mas o que somos, mesmo estando nesse local. O respeito e a aceitação não tem fronteiras e não é virtual.

Pelo segundo ano consecutivo, os bloguistas, bloggers, blogueiros da ilha Terceira-Açores, ou outra terminologia qualquer, reúnem-se num encontro promovido pela incansável Rosa Maria e o incansável Luis Nunes, para discutir a blogosfera ou talvez lhe possamos chamar a "cidadania virtual". Olhos nos olhos, os nick-names reafirmam a ética que lhes faz mover as pontas dos dedos, num teclado que tanto pode expressar carinho, ideias ou olhares. Cada tecla tem o sentimento que cada um lhe quiser imprimir ou quiser esconder. O olhar costuma ser mais translúcido.

Félix Rodrigues

Será a blogosfera um espaço de cidadania planetária?

EBIT Comunidade Bloguista

15 Comments:

At 22:14, Blogger Isabel José António said...

Caro Amigo Félix,

Claro que a resposta à tua pergunta final é: SIM! Pode muito bem ser

Pode muito bem ser porque, tal como tudo na própria vida, tudo tem todas as possibilidades. Tudo está sempre em aberto. Poderá promover a cidadania como torpedeá-la.

Mais uma vez tudo reside na ÉTICA ou na falta dela.

Todos os grandes inventos que a as mentes prodigiosas do homem tem criado podem ser magníficos em si mesmo e, através da falta de ética, poderão ter uma utilização maléfica.

Daí que o grande desafio, na blogosfera ou em outra qualquer outra actividade, é ter ou não ter ÉTICA.

Muitos parabéns pelo teu texto e pelo blogue.

Um grande abraço

José António

 
At 22:39, Anonymous Azoriana said...

«Desambientado» ambienta-nos de carinho.

É este o título que merece este artigo. É com artigos como este que fico feliz por termos contribuído para que este encontro se repita.
O Félix coloca um manancial de informação digna de todo o nosso respeito e admiração.
Também acho que sim, que a blogosfera é um espaço de "cidadania virtual" ou planetária. Na ponta dos dedos o movimento de todo o pensamento colorido pela vida que nos dá cada momento.
O longe faz-se perto e em cada letra se projecta a evolução do planeta.
Bem-haja!

 
At 23:01, Anonymous ilhas said...

Bem haja pela bela referencia ao segundo EBIT, claro que temos de ter e de viver a nossa cidadania como bloguistas pois só assim quem tiver o minimo de integridade viverá em paz com a sua consciencia. Este Post é sem dúvida um bom mote de conversa para o nosso encontro.

 
At 08:58, Blogger nanda said...

Sem dúvida, o mundo hoje é uma "aldeia global" resultado deste rapidissimo processo de comuicação

 
At 09:07, Blogger soslayo said...

Desambientado:

Sem dúvida Dr. Félix. A cidadania Planetária é hoje uma realidade e graças à Internet que num simples tocar de tecla nos coloca em qualquer parte deste nosso planeta. Boa iniciativa essa de reunirem todos os blogueiros e espero, como não podia deixar de ser, que se transforme num balão de oxigénio na arte de blogar. Um abraço.

 
At 09:38, Blogger Lâmina d'Água, Silêncio & Escriba said...

É interessante como as pessoas ainda tratam a globosfera como algo quase para além do virtual... parece intocável e ao nos deparaemos com a potencialidade, mas também a fragilidade dela, é que percebemos que nada mais é do uma outra forma de comunicação, mais dinãmica e mais flexível, mas completamente normal. Sujeita aos mesmos erros e riscos. Mesmos acertos e prazeres, com a diferença de que para essa comunicação, bastará que eu tenha em minha casa um computador ou então que eu vá até um há um disponível...

No entanto, quem é verdadeiro, ético, criterioso, correto e todas essas coisas que necessitamos encontrar nas pessoas de nosso convívio, buscará manter-se assim também na virtualidade e transparência é algo muitíssimo bem vindo sempre e independente do meio de comunicação usado.

Nunca tive medo da virtualidade e nem da amplitude da internet, mas tenho medo das pessoas que se valem das benécias dela, para tirar proveitos, mas gentes desseas existem em toda parte e não somente na net e como tal, também não conseguirão enganar por muito tempo.

Beijinhos pra tua semana Querido Félix!!!

Cris

 
At 09:40, Blogger Lâmina d'Água, Silêncio & Escriba said...

Estou atrasada para a minha aula e deixei o comentário acima bem cheinho de erros. Desconsidere isso, tá???

Outro beijo!!!

Tu és sem dúvida meu presente maior na globosfera!!!

 
At 17:40, Blogger Nuno Guronsan said...

"Cada tecla tem o sentimento que cada um lhe quiser imprimir ou quiser esconder. O olhar costuma ser mais translúcido."

Pegando nas tuas sábias palavras, caro Félix, apenas gostava de dizer que, por mim, tento que o meu olhar, cinzento ou não, seja precisamente aquilo que passa para o teclado. Até porque pelo meu pequeno espaço passam algumas pessoas que me conhecem demasiado bem para que eu me tentasse ocultar por trás de um pseudo-alter-ego. Há que mostrar o mundo como o vemos, ou pelo menos ir tentando.

Um grande abraço.

 
At 19:37, Blogger poca said...

nunca fui a um encontro desses.. são todos muito longe os que por cá se fazem..
mas não sei se iria..
gosto das pessoas que por cá visito pelo que escrevem.. não pela simpatia real ou sensibilidade..
aqui recebemos o que os outros nos querem dar e interiormente cada qual vai ficando com a sua ideia da pessoa..
acho que gosto disto por ser assim..
acho que o à vontade para desabafar desaparecia no momento em que a identidade pessoal de cada um se revelasse..
ao vivo poderiamos não ter nada a ver.. aqui por escrito.. há coisas que unem.. gosto disto

 
At 19:22, Blogger Ecoteca do Faial said...

"O respeito e a aceitação não tem fronteiras e não é virtual."
De pleno acordo. Afinal... Quais são as fronteiras entre o virtual e o real?... O virtual embrenha-se nas nossas realidades.

Bom, breve passagem para lhe deixar os meus parabéns pela sua apresentação no Eco-Escolas. Gostamos sempre muito de ouvi-lo.

Cumprimentos.

 
At 21:02, Blogger Hanah said...

É certamente como uma grande Casa de Portas abertas....


Linda Crônica
Abraço grande

*****
Silêncio
O silêncio é o som da calma,
cifrado nas dobras da escuridão.
Denso, cálido, aveludado,
eternamente cercado de si.
Brindo aos rumores que não-são,
às perplexas ressonâncias do vazio.
Cercam-se os instantes,
círculos concêntricos
em oceanos de luz.
Debruam-se os momentos,
destacados recortes
sobre a fina textura da quietude.
Ocultas sob a superfície,
vibram as notas certas.
O som do silêncio é ilusão ou
resposta aos meus apelos?

in la Zingarah
******

 
At 13:35, Blogger Era uma vez um Girassol said...

Olá Félix, tenho andado ausente e vim deixar-te um beijinho.
Encontro de bloguistas nos Açores!
O segundo, percebo, para debaterem os problemas, as ideias e se olharem, sem nicks, cara a cara.
A verdade é que a Blogo é como um corpo, com um coração, pulmões, corrente sanguínea, toxinas...
Há que respeitar o corpo no seu todo, mimá-lo, engrandecê-lo com novas roupagens.
Cada um de nós tem o seu papel, os seus gostos, as suas tendências, as suas habilidades.
Na blogo, podemos sentir a emoção, tocar as teclas com sentimento, perceber quando o outro precisa de uma palavra que lhe d^força para continuar a caminhada.
Podemos denunciar o que está mal, apoiar medidas para minorar faltas, necessidades, injustiças.
Podemos ser melhores, reflectindo, lendo, caminhando neste mundo virtual lado a lado, sem arrogância.
Desejo que esse encontro resulte num encontro de ideias florescendo para o bem, como aqui as almas se encontram para o encontrar.
Beijinhos

 
At 02:08, Anonymous Azoriana said...

Félix, nem imagina o meu contentamento ao deparar com a página treze do jornal que, sob a sua coordenação, põe os "blogs.do.mundo" num encontro de ideias.
Muito obrigada pela parte que me toca :) Foi cá uma surpresa!
A hora já é tardia mas não podia deixar de vir aqui agradecer.
E o gosto é tanto com o EBIT que parece que falta uma eternidade para o próximo sábado...
Um abraço de bloguista ou blogueira :)

 
At 22:04, Anonymous Azoriana said...

E passado que foi o II EBIT volto para agradecer o comentário.
O rescaldo do EBIT é que provoca um sabor amargo. Mas a vida é assim e tal como no real há no virtual a mesma ironia de uns e o bom entendimento de outros.
Ao Félix só tenho a agradecer tudo o que tem feito de bem na blogosfera. Os seus artigos são uma mais valia para todos.
Obrigada

 
At 23:01, Blogger 日月神教-向左使 said...

AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,a片,線上遊戲,色情遊戲,日本a片,性愛

 

Enviar um comentário

<< Home