Comunidade Portuguesa de Ambientalistas
Ring Owner: Poli Etileno Site: Os Ambientalistas
Anterior Lista Aleatório Junte-se a nós! Próximo

2006-01-11

É esta a língua em que luto pelo ambiente.


Sabemos que não se pode crescer no ventre de uma mulher se lhe rasgarmos a placenta. Crescer neste planeta, até agora o único suporte de vida conhecido em todo o Universo, será equivalente ao respeito de um filho pelo útero que o aconchega e protege. Há que gritar bem alto para avisar.

Sabemos que não se pode gritar bem alto sem voz, nem verbalizar ideias sem língua.
A minha língua expressará claramente o meu ambiente.

Devemos crescer levados pela nossa própria vontade, com uma sensação de um tempo que nunca acaba, lançando pontes que atingem todas as cidades, todos os recantos e paisagens do mundo. Podemos efectivamente pensar e falar globalmente: Aqui, Ali e agora.
Podemos fazê-lo em Português.
Félix Rodrigues
Angola
Brasil
Cabo Verde
Guiné
Macau
Moçambique
Portugal
São Tomé e Príncipe
Timor
Goa
No mundo
Em cada canto, há um recanto de Língua Portuguesa.
Língua
Gosto de sentir a minha língua roçar
A língua de Luís de Camões
Gosto de ser e de estar
E quero me dedicar
A criar confusões de prosódias
E uma profusão de paródias
Que encurtem dores
E furtem cores como camaleões
Gosto do Pessoa na pessoa
Da rosa no Rosa
E sei que a poesia está para a prosa
Assim como o amor está para a amizade
E quem há de negar que esta lhe é superior
E deixa os portugais morrerem à míngua
"Minha pátria é minha língua"
Fala mangueira!
Fala!
Flor do Lácio Sambódromo
Lusamérica latim em pó
O que quer
O que pode
Esta língua?
Vamos atentar para a sintaxe dos paulistas
E o falso inglês relax dos surfistas
Sejamos imperialistas
Vamos na velô da dicção choo choo de Carmen Miranda
E que o Chico Buarque de Holanda nos resgate
E - xeque-mate - explique-nos Luanda
Ouçamos com atenção os deles e os delas da TV Globo
Sejamos o lobo do lobo do homen
Adoro nomes
Nomes em Ã
De coisas como Rã e Imã
Nomes de nomes Como Scarlet Moon Chevalier
Glauco Matoso e Arrigo Barnabé e maria da Fé e Arrigo barnabé
Flor do Lácio Sambódromo
Lusamérica latim em pó
O que quer
O que pode
Esta língua?
Incrível
É melhor fazer um canção
Está provado que só é possível
Filosofar em alemão
Se você tem uma idéia incrível
É melhor fazer um canção
Está provado que só é possível
Filosofar em alemão
Blitz quer dizer corísco
Hollyood quer dizer Azevedo
E o Recôncavo, e o Recôncavo, e o Recôncavo
Meu medo!
A língua é minha pátria
E eu não tenho pátria: tenho mátria
E quero frátria
Poesia concreta e prosa caótica
Ótica futura
Samba -rap, chic-left com banana
Será que ela está no Pão de Açúcar?
Tá craude brô você e tu lhe amo
Qué queu te faço, nego?
Bote ligeiro
Nós canto-falamos como que inveja negros
Que sofrem horrores no gueto do Harlem
Lívros, discos, vídeos à mancheia
E deixe que digam, que pensem e que falem.
(Letra de Canção de Caetano Veloso-Oferta de frosado)
Links interessantes
São tantos os locais por este mundo fora, onde se fala de forma não oficial o Português, que aqui vou só registar aqueles que me vão sendo sugeridos:
-Goa, Damão e Dio na Índia (Ana Isabel).
-Toronto - Canadá (Rosa Flores)
-Boston - Estados Unidos da América (Filomena Alves)
-Fall River - Estados Unidos da América (Fsilva)
-Olivença - Espanha (Ana Isabel)

76 Comments:

At 11:44, Blogger melena said...

Falo por mim, a lingua é só que nos une, infelizmente.
A CPLP é um exemplo perfeito de um zombie. Uma vergonha.
Tem a intenção de congregar os países de lingua portuguesa e é só mais uma fonte de "tachos".
Fica a lingua portuguesa espalhada por tudo o mundo, que nos relembra o nosso grandioso passado.

 
At 11:45, Blogger Ruth Iara said...

Oi, Felix!

É verdade.
A pouco tempo eu não tinha noção do significava "lusofobia" e achei que fosse apenas uma forma de racismo e não algo que dissesse respeito ao uso da Língua Portuguesa, mas fiquei sabendo melhor através de caminhos que levam ao assunto no seu blog.
Como sempre vi, suas colocações são apropriadas e bem estéticas.
O instrumento "Língua Portuguesa" se faz muito mais rico através destes países representados pelas imagens do post.

 
At 11:56, Blogger FSilva said...

Desculpe, e os Emigrantes portugueses por esse mundo fora, também levam a nossa língua.

 
At 12:54, Blogger frosado said...

Magnífico post! parabéns!mas concordo com a Fernanda Silva. Não podemos esquecer os emigrantes portugueses espalhados pelo mundo!Mas vou assinar:

 
At 13:53, Blogger Desambientado said...

Melena.

A nossa língua é tão grande quanto a nossa cultura. Saibamos defendê-la, em cada esquina, por cada um de nós. O resto, os infortúnios, lentamente desaparecerão.

 
At 13:57, Blogger Desambientado said...

Ruth.

Como diz o poeta Fernando Pessoa, "A Minha Pátria, é a Língua Portuguesa" e actualmente sou cidadão do Mundo.

Obrigado por estar sempre presente.

 
At 14:01, Blogger Desambientado said...

Caras Fsilva e Frosado.

Peço desculpa de terem apanhado o post ainda incompleto, estava a colocar o resto das imagens, quando tive que interromper, e em vez de gravar, publiquei. Mesmo assim, essa questão esté bem presente, do meu ponto de vista, uma vez que o post termina com

"Em cada Canto hé um recanto de Língua Portuguesa", refiro-me evidentemente, com esta frase, aos emigrantes que falam português.

 
At 14:02, Blogger Desambientado said...

Emanuel, Ruth, Fsilva e Frosado.

Desculpem-me, mas apanharam o post incompleto, ainda estava a ser colocado quando o comentaram.

 
At 14:10, Blogger Nanda said...

É bom quando ouvimos falar Portugues.
No dia á dia até nem damos conta da importancia da nossa lingua. Dei por isso as poucas vezes que fui a Países estrangeiros e ouvi alguem falar a nossa lingua.
Já assinei a petição.

 
At 14:24, Blogger FSilva said...

Já assinei a petição e peço imensa desculpa por não ter aguardo pacientemente

 
At 15:04, Blogger Ana Isabel Godinho said...

Dr. Félix:
A língua portuguesa é de uma riqueza enorme, integrando palvras de váriadas origens e deixando palavras em lugares longínquos,sendo uma das mais fascinantes entre as línguas de origem européia.
Nos séculos XV e XVI,altura das navegações portuguesas por novos mundos,tornou-se um dos poucos idiomas presentes em África, América, Ásia e Europa, sendo falado por milhões de pessoas.
O português é a oitava língua mais falada do planeta, terceira entre as línguas ocidentais, após o inglês e o castelhano. Não será isto, significativo para um país tão pequeno, como o nosso? e motivo mais do que suficiente para a Lingua Portuguesa se tornar oficial na ONU?
Por mim acho que sim e já asssinei a petição!

Ana Isabel

 
At 15:14, Blogger Ana Isabel Godinho said...

Em Goa, Damão e Diu, ainda existem muitas pessoas que falam e estudam Português e ainda lá permanecem muitos portugueses também .... ainda não foi há muito tempo que saímos da India! Acho que também poderiam constar, no seu bolg fotos deste locais.

Ana Isabel

 
At 15:22, Blogger frosado said...

Desambientado, não quero dar-lhe seca, mas não resisti a oferecer-lhe isto:

Língua
Caetano Veloso

Gosto de sentir a minha língua roçar
A língua de Luís de Camões
Gosto de ser e de estar
E quero me dedicar
A criar confusões de prosódias
E uma profusão de paródias
Que encurtem dores
E furtem cores como camaleões
Gosto do Pessoa na pessoa
Da rosa no Rosa
E sei que a poesias está para a prosa
Assim como o amor está para a amizade
E quem há de negar que esta lhe é superior
E deixa os portugais morrerem à míngua
"Minha pátria é minha língua"
Fala mangueira!
Fala!
Flor do Lácio Sambódromo
Lusamérica latim em pó
O que quer
O que pode
Esta língua?
Vamos atentar para a sintaxe dos paulistas
E o falso inglês relax dos surfistas
Sejamos imperialistas
Vamos na velô da dicção choo choo de
Carmen Miranda
E que o Chico Buarque de Holanda nos resgate
E - xeque-mate - explique-nos Luanda
Ouçamos com atenção os deles e os delas da
TV Globo
Sejamos o lobo do lobo do homen
Adoro nomes
Nomes em Ã
De coisas como Rã e Imã
Nomes de nomes
Como Scarlet Moon Chevalier
Glauco Matoso e Arrigo Barnabé e maria da
Fé e Arrigo barnabé
Flor do Lácio Sambódromo
Lusamérica latim em pó
O que quer
O que pode
Esta língua?
Incrível
É melhor fazer um canção
Está provado que só é possível
Filosofar em alemão
Se você tem uma idéia incrível
É melhor fazer um canção
Está provado que só é possível
Filosofar em alemão
Blitz quer dizer corísco
Hollyood quer dizer Azevedo
E o Recôncavo, e o Recôncavo, e o
Recôncavo
Meu medo!
A língua é minha pátria
E eu não tenho pátria: tenho mátria
E quero frátria
Poesia concreta e prosa caótica
Ótica futura
Samba -rap, chic-left com banana
Será que ela está no Pão de Açúcar?
Tá craude brô você e tu lhe amo
Qué queu te faço, nego?
Bote ligeiro
Nós canto-falamos como que inveja negros
Que sofrem horrores no gueto do Harlem
Lívros, discos, vídeos à mancheia
E deixe que digam, que pensem e que falem

 
At 15:32, Blogger Desambientado said...

fsilva

Não tem nada que pedir desculpa. Sou eu que publiquei algo incompleto. Por outro lado, começam a chover protestos muito bem intecionados, por mail, por comments. Bem haja a democracia e capacidade de não nos mantermos calados. Fale sempre....

 
At 15:38, Blogger Desambientado said...

Ana Isabel.

Precisamos de uns bons milhões para fazer vencer essa petição. Todos os que se orgulham da sua língua deveriam assinar.

Quanto a Goa Damão e Dio, não foram contempladas com foto porrque o Português, não é língua oficial desses locais. Acrescentei um pequeno comentário a actualizar no fim do post.

 
At 15:40, Blogger Desambientado said...

Frosado.

Já agora F de que nome?

Agradeço imenso o poema. É lindo. Sei que já o tinha ouvido, não sei onde.

Posso acrescentá-lo ao post?

 
At 15:46, Blogger frosado said...

F. de Fátima...Os meus queridos Pais, eram muito crentes...

 
At 15:58, Blogger Desambientado said...

Obrigado pela permissão.

Fátima, vem de Fatma (nome que era atribuído a pessoas criativas, de pensamento rápido e de natureza versátil) é um lindo nome e muito bem aplicado. Os seus pais se calhar sabiam disto.

 
At 16:11, Blogger Ana Isabel Godinho said...

Parece que em Goa se mantém ainda o "único lugar onde o português sobrevive na sua forma oficial é Goa, na Índia" in http://www.conhecimentosgerais.com.br/lingua-portuguesa/o-portugues-no-mundo.html

Ana Isabel

 
At 16:24, Blogger frosado said...

Os meus pais não sabiam, foi mm por cauda da Senhora de Fátima, que naquela altura estava na moda (já lhes perdoei...tou a brincar: um nome é apenas um nome, mas claro que tem a sua importância), mas o que eu sei é que:
Fátima foi uma das filhas de Maomé, profeta do Islão, e da sua primeira esposa Cadija. Nasceu em Meca, em data incerta, provavelmente em 605 ou 606, embora a tradição xiita coloque o seu nascimento em 614. Faleceu em 632 em Medina. Foi casada com Ali, quarto califa para os sunitas e primeiro segundo a perspectiva dos xiitas.

 
At 16:34, Blogger Desambientado said...

Frosado.
Se calhar Fátima, vem mesmo de Fátima. Mas olhe que Ftama não lhe ficava nada mal.

 
At 16:35, Blogger Desambientado said...

Ana Isabel.

Pelo sim, pelo não, acrescentei mais uma foto. Goa merece-o.

 
At 16:39, Blogger FSilva said...

Fall River (EUA)

 
At 16:55, Blogger Desambientado said...

FSilva.

Fall River acrescentada.

 
At 17:56, Blogger Desambientado said...

Olá Nanda.

Não sei como, mas a tua mensagem passou-me despercebida. Obrigado.

 
At 18:24, Blogger Ana Isabel Godinho said...

Em Olivença os mais velhos falam português, os mais novos falam "portunhol", mas todos sabem falar portugues. Há quem diga que Olivença ainda é Portugal....

Ana Issabel

 
At 18:44, Blogger Desambientado said...

Ana Isabel.
Ora Olivença é um problema...arriscamo-nos a criar mal estar em Portugal e a validar a teoria dos Nuestros de que Olivença é Espanhola, se a acrescentar à lista.

Parece-me lógico acrescentar.

 
At 19:40, Blogger Ana Isabel Godinho said...

Politicas à parte, Olivença é uma cidade cujos traços urbanisticos são tipicamente portugueses, as igrejas e capelas têm o estilo manuelino, bastante portugues...e os habitantes têm a simpatia e não o salero castelhano.
Deve acrescentar-se à lista, apesar de actualmente ser território Espanhol, lá ainda se fala português!

Ana Isabel

 
At 19:59, Blogger maat said...

levarei todas as manhãs uma estrela à fonte.saberei dela pela língua que falo.

Já passou o tempo de sermos pedaços. A Terra é uma. E...(opinião apenas)...seremos no Corpo, Um , como na Alma Global.


"Falta cumprir-se Portugal".



*** maat

 
At 21:09, Blogger Desambientado said...

Maat.

Muito bonito. Obrigado.

 
At 21:12, Blogger Desambientado said...

Ana Isabel.

Não conheço Olivença, mas se é como dizes, pode dizer-se que o corpo é espanhol, mas alma é portuguesa.

 
At 23:29, Blogger vidal said...

Nestas férias, ocasionalmente, apercebi-me de uma conversa entre um pequeno grupo de estrangeiros que falavam exactamente acerca da Língua Portuguesa.
Só vos digo que fiquei curiosa e atenta e qual não foi a minha surpresa. Enquanto um deles dizia que a nossa língua era parecida com o espanhol o outro refutou a ideia dizendo simplesmente que a Língua Portugues era diferente, era muito mais romântica.
Adorei ouvir essa palavras.
Já votei esta petição que me foi enviada pela ASPEA, mas tenho vontade de voltar a votar pelo menos 1000 vezes.

 
At 08:31, Blogger Desambientado said...

Eva.

Passei por uma experiência semelhante, num voo da Austrália para a Alemanha. Sentei ao lado de um Dinamarquês que me perguntou de onde era, ao que respondi ser Português. Pediu-me que lhe falasse em Português, porque entendia algumas coisas. De facto era verdade. Segundo ele achava a língua portuguesa muito romântica com uma sonoridade única.

Quando estive nas Canárias, os próprios espanhois achavam o Português uma língua muito melódica, com muita sonoridade. A partir dessa observação ps-me a ouvir melhor o Português e as outras línguas. O Português tem uma amplitude sonora enorme, como diz o Caetano Veloso, gosto imenso das palavras em ã, ão, ões, passando por le, lhe, nha, nho.

Viva a Língua Portuguesa!

 
At 11:52, Blogger TF said...

O Português é uma Língua muito interessante e com um grande potencial. Basta ver a facilidade que nós temos em perceber os falantes das outras línguas latinas como por exemplo espanhóis ou italianos, ao contrário deles que não nos entendem.
Uma vez um inglês que estava a tentar aprender português disse-me que eu devia dar graças a Deus por saber falar esta língua.
Nos EUA uns americanos ouviram-me falar português e perguntaram-me se era Russo. Achei piada, pareceu-me que tinha a ver com semelhanças na sonoridade, ao ouvido deles, claro! Talvez, quem sabe! Desde aí, sempre que ouço russo tento encontrar as semelhanças. Enfim, eram americanos e por isso há que lhes dar um desconto!
Uma vez estava sózinha em Copenhaga. Andava a descobrir a cidade. Passei por um grupo de pessoas no meio de uma praça e ouvi falar português. Meti de imediato conversa (apesar de me considerar em geral uma pessoa tímida) e senti-me reconfortada em ter regressado a casa por breves momentos. Já estava fora há uns dias e a sentir saudades. Isto costuma acontecer-me bastante em viagem. Uma forma de medir as saudades de Portugal é pela falta da comida, em especial da sopa, e saudades de ouvir falar português.
Nunca estive em nenhum outro país de língua portuguesa sem ser Portugal. Aí talvez as saudades sejam diferentes!
Já assinei a petição.
Teresa

 
At 12:23, Blogger Desambientado said...

Teresa.

Passei por algo semelhante nas Cárias, onde trabalhei três meses e meio. Senti as mesmas saudades de ouvir falar Português, de tal modo quando ouvi um grupo de italianos a falar corri para eles, pensando tratar-se de português.
Que decepção.
Creio que o português é mesmo a única língua capaz de inventar a palavra saudade.

 
At 14:25, Blogger TF said...

Felix
Desculpa a minha ignorância, mas onde ficam as Cárias?
Tentei ir ao google ver mas como não encontrei logo, desisti porque tinha de trabalhar.
Bjs
Teresa

 
At 14:53, Blogger Desambientado said...

Teresa.

Desculpa, mas é erro. De vez em quando o meu teclado prega-me uma partida e não regista todas as letras.
Trata-se das Canárias.
Eu também não conheço Cárias nenhumas.

 
At 15:58, Blogger TF said...

Obrigada. Estou mais descansada! Mas podia ser algum sítio recondito onde a minha Geografia não chegava!

 
At 16:01, Blogger frosado said...

Eu, tive essa experiência por toda Europa onde passei, de me rir escancaradamente, consolada, por apesar de tudo, ouvir falar Português, ao ouvir certas palavras do tipo p**** e m***** e c******, para não dizer mais nada. Ainda hoje me comovo ao ver filmes,como por exemplo, "a cidade de deus" , ao ouvi-los dizer os maiores palavrões, em português. Não é por causa do palavrão, que, apesar de eu não ser nenhuma santa, mas é a identificação, é eu pensar que ele tem qq de comum comigo. o que é que querem? Cada um é com o é!

 
At 16:09, Blogger Gary Freedman said...

Oi, Felix,-- Thank you for your words of encouragement. Yes, there is an entire Universe out there where I could meet many interesting people. The problem, as I see it, is that my "inner Universe," -- that is, my internal mental life --limits my ability to form relationships with people. -- Gary Freedman

 
At 16:42, Blogger Flor said...

GENIAL!!!!!!
Sem palavras!!
Bravo
beijo

 
At 16:46, Blogger Desambientado said...

Teresa.

A forma como escreveste a mensagem da Cárias e o alívio demonstrado em seguida, deixou-me preocupado por te ter induzido em perdas de tempo....

 
At 16:52, Blogger Desambientado said...

Frosado.

Faz pouco tempo, estava em França num restaurante, sozinho. À minha frente estava uma mesa com portugueses, que julgavam que eu era francês. Riram tanto de mim.....tudo o que lhes vinha à cabeça, diziam-no. Nunca me ri tanto, para dentro. Sempre que olhavam para mim, apenas esboçava um sorriso. Estava-me a dar prazer ouvir pessoas, que não me conheciam de lado nenhum a falar de mim.
No fim, acabei primeiro do que eles e despedi-me com uma boa noite
e votos de uma boa digestão...
Dois engasgaram-se, e os outros, em vez de cumprimentarem, apenas coraram. Creio que estas "cenas" só acontecem com portugueses..e são, muito divertidas.

 
At 16:56, Blogger Desambientado said...

Gary

We have the possibility to modify ours perspectives and learn with others points of view.

 
At 17:09, Blogger Desambientado said...

Flor.

Muito obrigado pela visita e pelo elogio.

Volte sempre.

 
At 17:45, Blogger PiresF said...

Este post é um hino à língua e aos desígnios de Portugal.
Se tivermos em conta, que o português é a terceira língua ocidental mais falada, logo atrás do inglês e do castelhano, é de toda a justiça, sendo nós parceiros da ONU, que esta petição chegue a bom porto.
Excelente!
Um abraço.

 
At 17:56, Blogger Desambientado said...

Piresf

Obrigado pela visita. Estamos nitidamente de acordo com à petição.

 
At 20:49, Blogger Bitta said...

"Minha Língua é a minha Pátria" já dizia Fernando Pessoa!

Uma vez mais gostei muito do teu texto... Andei um bocado afastada devido a questões técnicas e não só... mas cá estou novamente!

Que venha outro texto interactivo e com a qualidade deste...

 
At 21:07, Blogger Desambientado said...

Bitta.

Senti a tua falta, quero que o saibas.

Viva a língua Portuguesa.

 
At 22:01, Blogger Fátima Silva said...

Prof. Félix eu quero comentar, mas tenho de um relatório acabar. De qualquer modo adorei a ideia da petição, da descoberta pelo mundo dos países lusófonos e do poema. Mas esse quero parar lá com calma. Logo quando puder digo mais qualquer coisa.
O seu blog rebenta com a escala, em relação ao número de comentários.
Parabéns uma vez mais por essa ideia tão original.

 
At 22:17, Blogger FSilva said...

Em relação à semelhança com o Russo,é um facto,vejamos: Tânia é o diminuitivo de Tatiana, cuja ortografia eslava é Tassiano que vem do latim Tácio.

 
At 22:31, Blogger Desambientado said...

Fátima Silva.

Nestas alturas se passares diz só OI, e eu entendo.

 
At 22:32, Blogger Desambientado said...

fsilva.

Creio que esta é uma resposta para a Teresa. Eu agradeço, por mim e por todos os que por aqui vão passando.

 
At 01:10, Blogger TF said...

Felix
Não fiques preocupado. Nunca é perda de tempo passar por aqui! Já comecei a integrar isso nas minhas rotinas. Aliás eu é que fico preocupada de te deixar preocupado. Será a forma da escrita? Naquele caso o ficar descansada foi apenas em relação aos meus conhecimentos de geografia. Eu achei estranha a palavra, não identifiquei mas por princípio duvido sempre de mim em primeiro lugar.
É giro passar por aqui porque este é um blog muito vivo e interessante também nos comentários.
para fsilva
Sobre as semelhanças com o russo. Claro, existem termos latinos como em muitas outras línguas. E o que acham da sonoridade global será semelhante?
Teresa

 
At 08:05, Anonymous soslayo said...

Desambientado, linda homenagem à nossa Pátria "A Língua Portuguesa" falada nos quatro cantos do mundo. E só para te dar um exemplo: no Brasil (que é um País que conheço bem!) estudam mais profundamente os Poetas Portugueses nomeadamente o poeta Fernando Pessoa mais que aqui em Portugal. Até a malta jovem já dizia: "tanto pessoa tanto pessoa que já enjoa" mas dizem-no em brincadeira. Um abraço e parabéns. Também vou lá assinar e já.

 
At 10:50, Anonymous Cristina Mendonça said...

Seria um encanto conseguir que o português se tornasse na língua oficial da ONU. Seria um grande desafio e responsabilidade.

 
At 12:23, Blogger palavrinhas said...

Só para me meter consigo e porque falo com conhecimento de causa...

Falta o açoreanês!!!!

 
At 17:40, Blogger Fátima Silva said...

A língua é a nossa libertação e a nossa prisão; o nosso alento e desalento; a nossa esperança e maldição; a nossa alegria e frustração; a língua...
Marca que transporta a nossa identidade até mesmo aqui e agora quando estamos sentados... a postar um comentário.

A língua nosso instrumento de eleição,
muitas vezes usado para armar confusão,
outras vezes, usado com sapiência,
é a nossa libertação.

Parabéns pelo post e pela qualidade dos comentários produzidos.

 
At 19:34, Anonymous fontez said...

bom blog.
ando a procura de pessoas para participar no tipo de forum-filos (como era na antiga Grécia) para fomentar ideias e discutir assuntos úteis.
Alinhas?

 
At 19:55, Blogger Desambientado said...

Caros participantes habituais e ocasionais deste blog. Não vos pude responder quase de imediato, porque tive que passar o dia todo noutra ilha, mais uma vez S. Miguel. Só agora é que posso por os comentários em dia.

 
At 19:57, Blogger Desambientado said...

Teresa.

Os comentários são interessantes, porque por aqui só passam pessoas interessantes.
Eu acho que o sucesso desta discussão depende muito do entusiasmo das pessoas que colaboram regularmente. Qualquer dia tenho que renomear os blogs da casa.

 
At 20:00, Blogger Desambientado said...

Soslayo.

Tão rica em semânticas que é o Português. Tão rico que é também em sotaques....
O açoreanês como diz a Palavrinhas, o Madeirês, etc, etc.
Tão rica que é em poesia, Portuguesa, Brasileira, Africana, da Diáspora...

 
At 20:02, Blogger Desambientado said...

Cristina.

Senti a tua falta....não penses que te consegues fazer passar despercebida.

É um desafio conseguir que o Português seja a língua oficial da ONU, mas acho que é muito mais um direito.

 
At 20:12, Blogger Desambientado said...

Palavrinhas.

O Açoreanês,
É o Português,
Perdido no tempo,
Salgado p'lo mar,
Sarsório de saudade.

 
At 20:13, Blogger Desambientado said...

Fátima Silva.

ESpero que já tenhas acabado o trabalho.
Um observação muito profunda e muito poética.

Estamos todos cada vez mais empolgados com esta discussão.

 
At 20:22, Blogger Desambientado said...

Fontez.

Obrigado pela visita e comentário.

Claro que alinho, dentro do tempo que tenho disponível para estas coisas, que começa a rarear.

Volta sempre e participa, também aqui.

 
At 20:33, Blogger Fátima Silva said...

Entreguei-o hoje. Custou mas acabou.
Esta mania de rimar está a começar a viciar.
Este blog está lotadíssimo. Quando reparei no novo post já contava com 32 comentários. Um recorde que se deve à dinâmica do administrador, pois não há comentário que se faça que não seja logo acarinhado e prontamente reconhecido.

 
At 20:48, Blogger Desambientado said...

Fátima.

Penso não ser cego. Reconheço a qualidade dos que por aqui passam, ou então a sinceridade, daí que tenha que acarinhar todos e cada um. Faz parte da minha forma de ser e de estar.
Mas também sabe que sou muito crítico.

 
At 21:23, Blogger maat said...

Volto aqui, não compreendi o seu pensamento, ou estamos a falar de coisas diferentes. De qualquer modo como sou uma eterna curiosa do universo,poderia elucidar-me sobre esse processo de fissão do átomo,no acto da meditação,a que os Iniciados se referem?
De facto, no meu entendimento,meditar não é de modo algum pensar,bem pelo contrário...´eum estado muito diferente do da actividade de pensar ...
Se não quiser ter essa maçada,pode indicar-me algum roteiro científico?

Também me parece que este texto não pretende ser poético , no que estamos de acordo...A imagem é linda, também acho.
Conhece o Autor (Omraam Mikhaël Aïvanhov)?
Grata pelas suas questões.
*** maat

 
At 21:47, Blogger Desambientado said...

Maat.

Terei muito prazer, mas hoje estou muito cansado, talvez amanhã.

 
At 21:58, Blogger maat said...

Claro,quando lhe aprouver.
Obrigada.
Um bom fim de semana.
***maat

 
At 22:22, Blogger TF said...

Felix
Obrigada pela parte do interessante que me toca.
Boa noite e bom fim de semana

 
At 23:23, Blogger Fátima Silva said...

Concordo plenamente!

 
At 09:39, Blogger Desambientado said...

Teresa e Fátima.

Bom fim de Semana para vocês.

Aproveito para desejar bom fim de semana a todos os outros participantes.

 
At 19:14, Anonymous http://soalgunspensamentos.blogspot.com said...

O seu blog consegue focar assuntos bastante importantes para as vivências das sociedades contemporâneas. Parabéns pelo seu blog e continuação de um bom trabalho!

 
At 21:26, Blogger Desambientado said...

David.

Obrigado pela visita e pelo elogio.

 

Enviar um comentário

<< Home